NEUROPSICOPATOLOGIA E A APRENDIZAGEM DE ADOLESCENTES EM CONFLITO COM A LEI

NEUROPSICOPATOLOGIA E A APRENDIZAGEM DE  ADOLESCENTES EM CONFLITO COM A LEI

Rafael Regis da Costa Rodrigues

Flávio Roberto de Carvalho Santos

Apresentador: Rafael Regis da Costa Rodrigues

Eixo: Estudos com conclusões finais

Tipo de Apresentação: Oral Resumo:

As neurociências têm ampliado e oportunizado estudos em diversas áreas do saber como psicologia, psicopatologia e lei. A pesquisa objetivou levantar a função do Córtex Pré-Frontal (CPF) dos adolescentes do CRIAAD Niterói/Brasil e refletir sobre a estrutura de base de personalidade dos Estados Limítrofes, onde participaram 37 adolescentes. A relevância se destaca pelo índice de 43,3% serem reincidentes no período entre junho 2015 e outubro de 2015, segundo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que neste aspecto, supõe-se questões neurais e psicopatológicos a serem investigadas. O método contou com testes neuropsicológicos e entrevista. O levantamento ressalta autores importantes e atuais sobre as funções do CPF e personalidade. Os resultados dos 37 adolescentes que finalizaram a avaliação apontam um comportamento imediatista, uso de drogas em sua maioria, baixo rendimento nas funções de flexibilidade mental, atenção, memória e planejamento que são funções do CPF e expressam questões neurais e psíquicas que necessita de novas reflexões da lei e também de propostas de intervenção psicoterapêutica e participação familiar.